Utilizamos Cookies para podermos oferecer-lhe o melhor serviço possível. Mais informações podem ser consultadas na nossa Declaração de Proteção de Dados.

Proteção de dados Confirmar e continuar ×
Contato
Contato EPG.

Fale conosco.

Ao enviar os seus dados, concorda com que as suas informações deste formulário sejam processadas. O objetivo é responder aos seus pedidos de informação. Eu concordo com as Condições de proteção de dados.

Gerenciamento funcional de dados mestre: a base para a logística 4.0.

Os dados mestre registrados corretamente são a base de todo o planejamento de armazéns e logística — a maioria das empresas está ciente disso. No entanto, muitos operadores de logística não conhecem a situação real de seus bancos de dados no armazém e como devem abordar o tópico importante do gerenciamento dos dados mestre. Os consultores de logística da EPC (Ehrhardt + Partner Consulting) também se deparam repetidamente com empresas que operam seus processos logísticos com dados mestre de artigos incompletos — por isso, muitas vezes, o problema reside na base de todos os processos logísticos. Essa é a razão pela qual a EPC publicou um novo Whitepaper que apresenta estratégias simples, mas muito eficientes, para o gerenciamento funcional dos dados mestre.

Novo Whitepaper da EPC.

Sem tempo, sem importância, muito moroso: há muitas razões aparentes contra o gerenciamento funcional de dados mestre. No entanto, é essencial saber quantas peças e artigos estão em estoque para ter informações exatas de inventário. Os dados mestre atualizados também são a base, por exemplo, para um cálculo preliminar do material de carga. Se os dados necessários estiverem disponíveis, o material de carga pode até ser calculado de tal forma que seja colocado na ordem correta e de acordo com o peso. Os operadores de logística estão bem cientes do problema da falta de qualidade dos dados, mas os dados mestre atualizados são muito importantes. Mas, muitas vezes, não só faltam recursos humanos para a implementação, mas também uma visão geral: “A maioria dos operadores de logística desconhece a qualidade real de seus bancos de dados no armazém", diz Marcel Wilhelms, General Manager da EPC. "A coleta consistente de dados mestre é uma parte importante da digitalização de toda a cadeia de abastecimento. E o potencial do gerenciamento funcional de dados mestre é muitas vezes negligenciado — especialmente no contexto da Logística 4.0, em que uma roda tem que engrenar na outra para garantir processos consistentes e rastreáveis.”

 

Com seu novo Whitepaper, a EPC fornece aos operadores de logística um guia de orientação que simplifica o gerenciamento de dados mestre. Com base em uma definição de termos, a empresa descreve as consequências de dados mestre gerenciados inadequadamente e aponta possíveis soluções. A necessidade do registro digital, por exemplo, com a ajuda de um sistema de gerenciamento de armazéns, também é apresentada, a fim de criar a base para a Logística 4.0. Usando uma lista de verificação, as empresas podem realizar imediatamente um autodiagnóstico: que qualidade tem meu gerenciamento de dados mestre? O Whitepaper está disponível para download em https://www.epg.com/pt/know-how-em-logistica/whitepaper/.

Baixar